19 julho 2017

Boas Maneiras Garçom

  1. Se você quiser chamar a atenção do garçom, nunca grite, nem bata na mesa, nem assovie nem estale os dedos, nem dê nomes engraçados para chamá-lo como "presidente", ou o que for.
  2. As pessoas de boas maneiras procuram fazer contato visual ou levante a mão.
  3. Enquanto você está envolvido em uma conversa, você não precisa dizer "obrigado" ao garçom enquanto ele limpa a mesa.
  4. A gorjeta do garçom deve ser entre 10 e 15% do valor da conta. Isto é o usual.
  5. Está certo perguntar se a taxa de serviço, ou seja, se a gorjeta do garçom já está incluída na conta do restaurante. Não há problema algum em perguntar.
"Boa parte da nossa vida está composta de pequenos encontros com pessoas que vemos no elevador, na fila do ônibus, na sala de espera do médico, no meio do trânsito da cidade grande ou na única farmácia da cidadezinha onde vivemos... e ainda que sejam momentos esporádicos e fugazes, são muitos por dia e incontáveis ao longo de uma vida. Para um cristão, são importantes, porque são ocasiões que Deus lhe dá para rezar por essas pessoas e mostrar-lhes o seu apreço, tal como deve suceder entre os que são filhos de um mesmo Pai. Fazemos isso normalmente através desses pormenores de educação e de cortesia que temos habitualmente com qualquer pessoa, e que se transformam facilmente em veículos da virtude sobrenatural da caridade." Fernández-Carvajal, Coleção Falar com Deus" volume 3,Tempo Comum(1) Semanas I a XII, pag. 33. "