Pesquisar este blog

10 julho 2017

Boas Maneiras Cuidado com Higiene Pessoal

A higiene, somada à ordem pessoal de nossas coisas e do nosso espaço, nos concede uma importante qualidade humana. Viver a higiene e a ordem nas coisas cotidianas por toda a vida, na juventude e na velhice, nos domingos e quando não se tem ninguém a quem se quer impressionar, nas coisas mais simples de nossa casa como a ordem no armário, nos produtos de limpeza ou cozinha e de forma regular, nos confere importante categoria humana. 

O cuidado com a higiene pessoal e a ordem das nossas coisas vivida diariamente, combate a preguiça, o desleixo e esse relaxamento que vai aos pouco deformando o nosso caráter.

Não resta dúvida que a maneira como nos apresentamos ou como temos o nosso espaço ou tratamos as nossas coisas revela muito do que nós realmente somos. Uma dona de casa caprichosa terá filhos mais ordeiros e menos preguiçosos. Um homem com menos pena de si mesmo e que cumpre com essas suas pequenas obrigações naturais de pai, marido, filho e dá exemplo de cuidado pessoal e ordem é uma referência e tem a “graça de um pai”. 

É preciso não subestimar a importância das pequenas coisas. Apesar do cansaço ou da vontade de gastar horas na Internet é preciso colaborar com atos simples como estar bem limpo e bem vestido e com as próprias coisas em ordem diariamente. 

Agindo assim evitamos também outros erros como abusar das pessoas que nos ajudam e acabar sendo pesado à mãe, à esposa , ou a uma empregada. A pessoa com categoria humana tende a independência total para executar suas obrigações mais elementares de higiene e ordem sem que ninguém lhe peça e sem ceder à preguiça. 

Pontos Práticos de Higiene como Qualidade e Virtude Humana

  1. Ter e manter sempre boa apresentação pessoal.
  2. Conservar limpos e em ordem as próprias coisas.
  3. Ter esmero para trabalhar o que signfica trabalhar com especial cuidado com os detalhes. Os trabalhos que entregamos também devem estar sem manchas, revisados e bem apresentados. 
  4. Cuidamos de aprimorar não só os detalhes do nosso trabalho profissional, mas nos esmeramos também em todos os outros trabalhos que realizamos. Com que cuidado eu fecho uma porta em casa, ou me dirijo aos meus familiares?
  5. O cuidado com a higiene na vida cotidiana requer que também de coisas mais simples possamos fazer cada vez mais bem feito: que o nosso banho não seja só de água e toalha. Se as pessoas tomassem melhores banhos haveria menos trabalho na lavanderia. Acredite, quem não se cuida apropriadamente é sempre mais pesado aos demais.
  6. Uma vez que se trata de desenvolver o hábito de bem vestir-se, a prática de excentricidades, por modismo ou falta de critério é prova de falta de informação ou interesse, critério e empenho. Avance numa melhoria: emagrecer, se informar, comprar melhor, etc.
  7. Não acredite no “jeitinho” ou que uma “tapiadinha” resolva. Nem que amanhã você que sempre cede à enrolação, fará melhor amanhã. Ao contrário, estará treinado em jeitinhos e seu trabalho será assim.
  8. Essa limpeza e ordem pessoal como qualidade humana deve se estender desde o nosso quarto, a todas as nossas coisas como ao automóvel e ao nosso escritório e a tudo mais que é nosso.

Praticando sempre não teremos uma personalidade de aparências, mas seremos pessoas de maior qualidade humana. 

Postagens mais visitadas