Pesquisar este blog

05 julho 2017

Boas Maneiras Acima dos X anos

É preciso pensar sobre como, a medida que vamos envelhecendo, vamos nos relaxando desses cuidados básicos. E como sempre, um grande abandono é feito de pequenos e constantes relaxamentos diários. Felizmente o contrário, ter uma boa aparência apesar das dificuldades e ser uma boa pessoa é também feito de bons hábitos repetidos sem esmorecer.

É preciso evitar essa aparência relaxada comum em pessoas acima de X anos evitando:

Boas Maneiras
Quando se é jovem se exagera no cuidado com a aparência. Mas, mais tarde, começa um relaxamento que resulta terrível porque é de mais velhos que precisamos continuar nos cuidando, e para sempre. Por isso evite:

  • Ter mau hálito. É preciso vigiar este assunto diariamente.
  • Cabelos gordurosos na cabeça e secos nas pontas. Sempre mal cortados e mal penteados.
  • Rostos cheios de cravos, buço mais espeço e longo que bigodes cofiados, sobrancelhas por fazer, maquiagens grosseiras feitas com produtos e concepções ultrapassadas.
  • Evitar que a roupa esteja sempre manchada, gasta,  mal coordenada e sem nenhum sentido estético mínimo. A roupa de baixo frouxa que faz o andar acusar a flacidez da falta de ginástica acumulada. Poucas coisas podem ser mais ridículas que velhos vestidos de jovens: jeans e camiseta branca simplesmente requerem um corpo e aparência jovem. A pessoa que viveu tem mais a dizer do que isso. 
  • Evitar esse excesso de pena de si mesmo que vai construindo fraquezas e são frutos de
    relaxamentos na alimentação, no cuidado da saúde junto aos médicos, na dieta e na ginástica e que são visíveis em uma aparência gasta, flácida e descuidada.
  • Falar sempre mal dos outros.
  • Evitar difamar constantemente a filha e a família.
  • Evitar reclamar e apontar erros como único assunto que se tem.
  • Evitar falar alto, com raiva ou de modo peremptório ou acusativo.
  • Evitar busca os outros apenas para satisfazer as próprias carências, mas ouvir e servir.
  • Evitar usar os lugares e as circunstâncias para se servir delas: ir na Igreja não para rezar e servir, mas para se projetar. Fingir que ensina, mas busca projetar-se, etc.
  • Evitar esse mau humor gratuito de uma arrogância não satisfeita.
Todos esses comportamentos denunciam falta de valores e de boas maneiras. Mantenha a classe sempre. Afinal você pode não ser a rainha da Inglaterra, mas é filha de Deus. Veja mais sobre valores aqui e mais sobre boas maneiras aqui para se inspirar e começar a se cuidar todos os dias da sua vida como se deve.

Postagens mais visitadas