24 agosto 2015

Boas Maneiras e a Pontualidade

World of Watches
A sinceridade, a lealdade, a confiança, o domínio próprio e a retidão de intenção andam sempre unidas à pontualidade.

Todas as virtudes humanas imprimem excelência pessoal à vida profissional.

E a pontualidade é mais do que uma qualidade de boas maneiras, ela constrói o caráter e a vida em volta porque uma pessoa pontual fortalece os demais, inspira confiança, faz render o seu tempo e sabe o que é mais importante fazer.

Como o homem tem em geral um papel de liderança, ele deve amar a pontualidade. As culturas de grande excelência técnica, acadêmica ou comercial são sempre culturas que valorizam a pontualidade.

Alguns pontos Importantes sobre a Pontualidade

  1. Pontualidade é chegar na hora certa aos compromissos. Mas é mais do que isso:

  1. É também fazer o que se deve quando se deve. ( Chegar em casa depois do trabalho na hora certa para ajudar a esposa com os filhos, cumprir a tarefa do serviço de casa que lhe cabe sem que seja preciso ser lembrado disso muitas vezes, ir ao médico quando se deve, etc.)
  2. É respeitar os demais porque o tempo deles não é algo que consideramos de pouca importância ou do qual podemos dispor. 
  3. Pontualidade é dar valor ao tempo que temos e  por isso fazemos o que é preciso fazer já e não depois. 
  4. É não viver num mundo imaginário quando realizaremos tudo quando não tivermos obstáculos, ou quando tivermos condições ideais ou cômodas para fazer o que devemos.
  5. Pontualidade é fazer o que custa porque é correto.

Sobre a Falta de Pontualidade

  1. A falta de pontualidade não é apenas falta de boas maneiras e respeito aos demais, é um forte indício de problemas de autodomínio, de excesso de concuspiscencia
  2. A pessoa que não é pontual projeta incompetência.
  3. Falta de pontualidade é dispor do tempo dos outros a seu bel prazer e por isso é sempre uma descortesia deixar alguém esperando, não ligar avisando de um atraso ou simplesmente faltar sem dar satisfação. Não respeitar o tempo dos outros por fazê-los aguardar é não respeitá-los. E isto vale para qualquer um:  desde um telefonema que se prometeu dar, o agendamento na manicure, o horário da Missa e qualquer compromisso social, da vida acadêmica e da vida profissional. É preciso chegar sempre no horário. 
  4. Na vida profissional a falta de pontualidade - em chegar aos compromissos e em entregar o combinado - pode fazer com que nos sintamos inseguros. Há muita eficiência, cuidado e trabalho num serviço apresentado pontualmente e isso é uma ótima propaganda da sua qualidade profissional. Não acredite que isto possa ser substituído por "jeitinhos" ou desculpas. 
  5. Algumas pessoas só se motivam pela pressão do atraso, da crise. Mas isso só nos leva a viver sob stress. Isto é falta de valores superiores para ordenar a vida, o modo de trabalhar. Procure ter valores melhores para trabalhar que simples comodismos.
  6. Em geral as pessoas que não são pontuais são desorganizadas, distraídas e pouco conscientes. Não se pode chegar na hora se não se encontram as chaves do carro na hora de sair porque elas não tem um lugar certo. Falta de ordem. Não se pode ser pontual quando ao sair nos distraímos com qualquer coisa que se oferece como regar a planta que esqueceu ontem. Falta de pontualidade por distração. Pessoas pouco conscientes não sabem o que as move senão a vontade do momento e não são capazes de fazer escolhas e se manter nelas conscientemente.
  7. Assuma os valores de sua fé, sua família, seus defeitos, suas dívidas, seus erros sem negações inúteis. Assumir os erros é um caminho muito rápido para a pontualidade porque evita viver nesse nundo em que os problemas são sempre causados pelos outros e nunca por nossas deficiências. (Faça estes exames)

Algumas dicas para os que estão sempre atrasados.


  1. Evite a cultura da enrolação: não aceite como natural a cultura do adiamento, de trocar o que se  deve fazer por desculpas e evite a falta de retidão de intenção que é fingir que queria fazer alguma coisa, mas por causa da preguiça nunca se teve a intenção de fazer e por isso não cumprimos com nossas obrigações.
  2. É preciso aceitar que a falta de pontualidade não é um detalhe pequeno, mas um problema sério que pode estar desabonando sua vida pessoal e profissional. Tome as rédeas da sua vida dando atenção necessária a tudo que é ncessário para desenvolver a sua pontualidade. Pontualidade não é só para chegar na hora combinada como para fazer o que se deve na hora que se deve. 
  3. Qualquer coisa que leve menos de dez minutos para ser feita, não liste, faça na hora.
  4. Às vezes estamos sempre atrasados porque temos muito que fazer. Aprenda a delegar e a dizer não.

"Boa parte da nossa vida está composta de pequenos encontros com pessoas que vemos no elevador, na fila do ônibus, na sala de espera do médico, no meio do trânsito da cidade grande ou na única farmácia da cidadezinha onde vivemos... e ainda que sejam momentos esporádicos e fugazes, são muitos por dia e incontáveis ao longo de uma vida. Para um cristão, são importantes, porque são ocasiões que Deus lhe dá para rezar por essas pessoas e mostrar-lhes o seu apreço, tal como deve suceder entre os que são filhos de um mesmo Pai. Fazemos isso normalmente através desses pormenores de educação e de cortesia que temos habitualmente com qualquer pessoa, e que se transformam facilmente em veículos da virtude sobrenatural da caridade." Fernández-Carvajal, Coleção Falar com Deus" volume 3,Tempo Comum(1) Semanas I a XII, pag. 33. "